Programadora, top da Victoria’s Secret é questionada sobre talento e rebate

Ela já desfilou pela Victoria’s Secret, é a primeira modelo negra exclusiva da Calvin Klein e domina linguagens como Python, C++, Java, MIPS e Objective-C. No entanto, Lyndsey Scott, de 34 anos, ainda é alvo de muita desconfiança e comentários maldosos ao seu talento na tecnologia.

Após ser personagem de um post sobre mulheres programadoras, ela foi alvo de críticas de homens que disseram que qualquer coisa é considerado programar, outros disseram que era um “desperdício”. 

Lindsay, porém, resolveu responder aos “haters” da melhor forma: com seu rico currículo. 

“Tenho 27481 pontos no StackOverflow; estou no time do tutorial de iOS do RayWendelich.com; sou engenheira de software de iOS do Rally Bound, a 841ª companhia que cresceu mais rapidamente nos EUA, segundo a Inc Magazine, tenho diploma em ciências da computação e teatro pela universidade Amherst e posso ganhar a vida fazendo o que eu gosto. Olhando estes comentários eu penso por que 41% das mulheres em carreiras tecnológicas desistem por conta do ambiente de trabalho hostil.”

Em seu Instagram, a modelo e programadora continua:

“Acabei de ver este post. Obrigada pelo alerta @coding.engineer! Isso posto, eu normalmente ignoro negatividade, mas decidi entrar na sessão de comentários desta vez. Não estou tentando me mostrar, apenas expus alguns fatos na esperança de convencer ao menos um comentarista negativo de que programadores podem surgir em todas as formas, tamanhos, gêneros, raças etc… então eles que pensem duas vezes antes de duvidar de mulheres e meninas da tecnologia”.

https://www.instagram.com/p/BnEZ4CUBLdX/?taken-by=lyndsey360

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *