fevereiro 25, 2020

Conheça os vencedores do Troféu Domingão – Melhores do Ano 2019

Troféu Domingão premiou os Melhores do Ano de 2019 neste domingo (15). Atores, atrizes, comediantes, jornalistas e músicos passaram pelo palco da atração de Fausto Silva, enfrentando seus concorrentes e, no caso de um dos três indicados, arrebatando a estatueta. Confira abaixo as categorias, os nomes classificados pela votação dos funcionários da Globo e os campeões eleitos pelo público.

João Bravo, o Peter de Bom Sucesso, levou o troféu de Ator ou Atriz Mirim. Ele disputou com Maria Alice Guedes (Valentina, de Malhação – Vidas Brasileiras) e com sua colega de elenco Valentina Vieira (Sofia). João já havia sido contemplado com a estatueta em 2017, pelo Dedé de A Força do Querer.

Maju Coutinho foi contemplada com o prêmio do Jornalismo. Neste 2019, ela deixou a previsão do tempo do Jornal Nacional para assumir o Jornal Hoje, substituindo Sandra Annenberg, também indicada. Além de Sandra, que agora está no Globo Repórter, Renata Vasconcellos, do JN, disputou a categoria.

Kaysar Dadour foi eleito Ator Revelação. O Fauze de Órfãos da Terra enfrentou Orlando Caldeira (Catraca, de Verão 90) e Rafael Queiroz (Rael, de A Dona do Pedaço). Cabe lembrar que Kaysar volta ao Domingão do Faustão no próximo domingo (22), como finalista da Dança dos Famosos – com Dandara Mariana e Jonathan Azevedo.

Na categoria Comédia, Dani Calabresa foi a vencedora. Ela, que se despede do Zorra no final desta temporada, enfrentou o colega Welder Rodrigues – também integrante do Tá no Ar: a TV na TV. Marcelo Adnet, um dos criadores do Tá no Ar, finalizado em abril, completou o time de indicados.

Glamour Garcia foi contemplada como Atriz Revelação. A Britney de A Dona do Pedaço enfrentou Carol Garcia, a Sabrina da mesma novela, e Nany People, Marcos Paulo em O Sétimo Guardião. A web celebrou as indicações de Glamour e Nany, duas atrizes trans, as primeiras listadas nesta categoria.

Luan Santana arrebatou seu 12º Troféu Domingão. Ele levou a categoria Cantor do Ano, em disputa com Dilsinho e Ferrugem. Os três se apresentaram no palco antes do anúncio oficial, com hits que marcaram 2019; Luan apostou em ‘Quando a Bad Bater’, acompanhado pelo auditório.

Claudia Raia teve que segurar a emoção no palco . A atriz, premiada na categoria especial Personagem do Ano ao lado de Antonio Fagundes e Tony Ramos, se emocionou ao dedicar o prêmio a Jorge Fernando, ex-diretor da Globo com quem trabalhou em Verão 90. Este ano não houve o prêmio Mário Lago devido a dar vários prêmios para os atores no ano passado.

Sergio Guizé que interpretou Chiclete, em A Dona do Pedaço. Com esse personagem, o ator superou os atores Malvino Salvador (Agno, da mesma novela) e Armando Babaioff (Diogo, de Bom Sucesso) e saiu com o troféu de melhor ator coadjuvante nas mãos.

Já o troféu de Atriz Coadjuvante ficou com Fabiula Nascimento. A Nana de Bom Sucesso, venceu as duas atrizes que fizeram a novela A Dona do Pedaço, Agatha Moreira e Paolla Oliveira, intérpretes da vilã Josiane e da influencer Vivi Guedes.

Jesuíta Barbosa ganhou o trofeú de Melhor Ator com o personagem Jerônimo da novela Verão 90, nesta categoria concorriam os atores
Renato Góes, o Jamil, de Órfãos da Terra e Reynaldo Gianecchini, o Régis, de A Dona do Pedaço. Jesuíta já tinha ganhado o troféu em 2016 na categoria de Melhor Ator de Série que este ano fo para o ator Julio Andrade que fez o Dr. Evandro na série Sob Prestão que venceu sob os atores Antonio Calloni da série Assédio e do Rodrigo Lombardi, que fez parte da série Carcereiros

Juliana Paes venceu depois de dois anos do “mal estar” após perder da Paolla Oliveira o troféu de melhor atriz, fazendo a protagonista da novela A Dona do pedaço disputando ao lado das atrizes Grazi Massafera da novela Bom Sucesso e da Alice Wegmann da novela Orfãos da Terra. Na categoria de Melhor Atriz de Série ficou com Adriana Esteves que fez parte da série Assédio (ela não compareceu no evento devido um problema particular) que venceu diante das belas atuações das atrizes Letícia Colin da série Cine Holliúdy e da
Marjorie Estiano, a Dra. Carolina (indica para disputar o prêmio Emmy este ano) da série Sob Pressão.

Na categoria música não podemos deixar que o Luan Santana ganhou o seu 12º troféu vencendo diante das novidades da música popular brasileira que são os cantores Ferrugem e Dilsinho. Na parte feminina foi a mamãe do ano, Marília Mendonça que não apareceu para receber o prêmio revelando que já tinha parido o seu filho nos últimos dias. Ela venceu diante das cantoras Ivete Sangala (recordistas de indicações) e da cantora Iza que apareceu com o novo visual e digamos que foi que agradou o público e da nossa redação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *